06/07/2018

Governo de Goiás libera linha de crédito para transporte escolar

A Goias Fomento vai liberar até R$ 120 mil por CPF para a compra do veículo.

Os microempreendedores goianos que trabalham com transporte escolar vão poder contar agora com crédito mais facilitado para a renovação da frota de veículos, como vans. Através do Crédito Produtivo com recursos do Fundo Produzir da Secretaria de Desenvolvimento (SED), a Agência de Fomento de Goiás (GoiasFomento) vai liberar financiamentos de até R$ 120 mil por CPF para a compra do veículo, com juros de 0,5% ao mês, e prazo de 60 meses para o pagamento.

O anúncio foi feito pelo secretário de Desenvolvimento, Leandro Ribeiro, aos proprietários de vans escolares durante reunião realizada no gabinete da SED, acatando determinação do governador José Eliton. Segundo o Secretário, os recursos do Fundo Produzir existem para apoiar os microempreendedores goianos que querem incrementar seus negócios.

A expectativa do secretário é que, já nos próximos dias, as 50 primeiras propostas de financiamentos já comecem a ser liberadas pela GoiasFomento e assim os contratos sejam assinados com os microempreendedores.

O presidente interino da Agência de Fomento, Carlos Augusto Carvalho Medeiros Júnior, garantiu que a equipe de técnicos já começou a analisar as propostas de financiamentos e que, atendendo determinação do governador José Eliton, tudo será feito da forma mais rápida possível, mas dentro da legalidade.

O presidente do Sindicato do Transporte Escolar de Goiás, Adilson Humberto de Lellis, aplaudiu a decisão do Governo de liberar a linha de crédito para financiar a aquisição de vans escolares. Ele disse que sem esse apoio do Governo os microempresários não teriam condições de renovar a frota de veículos.

“Cada van custa em média R$ 150 mil. Sem essa linha de crédito com juro de 0,5% ao mês nunca teríamos condições de renovar os veículos, que estão sucateados, para transportar os estudantes com mais conforto e segurança”, afirmou.

Ele estima que em Goiás existam mais de 10 mil vans que fazem o transporte escolar e de turistas. Apenas em Goiânia são mais de 600 das quais 338 são cadastradas e regularizadas na Agência Municipal de Trânsito.

Fonte: