16/05/2019

Avião carregado com 500 quilos de cocaína é apreendido em Goiás

Aeronave foi forçada a pousar em Rio Verde após ser interceptada por caças da FAB.

Um avião carregado com 500 quilos de cocaína foi apreendido no início da manhã desta quinta-feira (16/5), no interior de Goiás. De acordo com a Polícia Militar, foram presos o piloto e o copiloto da aeronave. Informações preliminares apontam que a droga seria entregue em Quirinópolis, no Sul do estado; a aeronave foi interceptada por caças da Força Aérea Brasileira (FAB) e forçada a pousar em Rio Verde.

Durante a operação policial, também foram apreendidas armas e um carro usado pelos suspeitos. Conforme a corporação, houve uma troca de tiros no local, que resultou na morte de outros três envolvidos. Os suspeitos que morreram no confronto eram os responsáveis por receber o carregamento de cocaína.

Avião com cocaína foi descarregado em Quirinópolis

A aeronave pousou em Quirinópolis, onde foi descarregada. Segundo informações da PM, a toda a ação do grupo durou menos de 1 minuto. Em seguida, o avião levantou voo novamente, mas, momentos depois, o piloto precisou fazer um pouso forçado em Rio Verde, cidade do Sudoeste goiano, localizada a 100 quilômetros de Quirinópolis, após ser interceptado por caças da Força Aérea Brasileira.

As investigações da PF, que começaram há alguns dias, apontaram que a droga, vinda da Bolívia, passaria por Quirinópolis. Portanto, o destino da cocaína, que renderia ao menos R$ 30 milhões ao grupo criminoso, ainda não foi divulgado pela corporação. O cerco foi montado pelos policias da Federal, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer) e por PMs da região.

Os presos e os materiais apreendidos foram levados pelos helicópteros da PM à sede da Polícia Federal, no Setor Pedro Ludovico, em Goiânia. Segundo a PF, a aeronave apreendida, assim como o piloto, está em situação regular junto aos órgãos competentes.

Outros detalhes da operação policial serão repassados em entrevista coletiva, que deve ocorrer ainda na tarde desta quinta-feira (16/5).

Via Dia Online 
Imagens Dia Online