16/05/2019

Estudantes de Comunicação realizam bazar em prol do CEVAM

O evento é uma ótima oportunidade para quem deseja comprar ou trocar produtos por um preço acessível, além de contribuir com uma ação social.

Visando disponibilizar ao público produtos, como roupas, sapatos, acessórios e itens culturais com preço acessível, ocorre nesta sexta-feira (17), o bazar beneficente ‘Abrace uma Causa’, das 17h às 22 horas, na Faculdade Araguaia – Unidade Bueno. Todo o valor arrecadado será convertido em doações ao Centro de Valorização da Mulher Consuelo Nasser (Cevam), que celebra em 2019, 38 anos de existência.

O projeto ‘Abrace uma Causa’ é uma ação de responsabilidade social que reforça o intuito da Faculdade Araguaia de trabalhar atividades destinadas ao voluntariado com os estudantes. Além disso, o projeto faz parte de um movimento que luta para combater a violência contra as mulheres, que sofreu um aumento considerável e preocupante no último ano.

“O Cevam tem um papel histórico e fundamental para a sociedade goiana. Ele envolve um tema muito complicado e complexo que é a questão da violência contra a mulher. O órgão não só faz a questão de divulgação, mas também abriga mulheres, famílias inteiras e faz um papel que o estado às vezes não faz”, afirma Karine Prado, uma das coordenadoras do evento.

Diretora afirma que Cevam muitas vez faz o trabalho que o Estado não faz e que sem ajuda financeira é mais difícil manter a unidade

Segundo dados da Secretaria de Segurança Púbica de Goiás (SSPGO), os casos de feminicídio em 2018 cresceram 22,58%. Até novembro do ano passado por exemplo, Goiás já havia registrado 161 casos de feminicídio, ocupando até então, o terceiro lugar no ranking nacional, segundo levantamento realizado pelo jornal O Globo.

“Nós somos a única instituição que mantém as portas abertas 24 horas por dia para receber e atender as mulheres em situação de vulnerabilidade. Nem o Governo faz isso. Mas é muito difícil conseguirmos prestar um bom atendimento quando falta ajuda financeira para manter a unidade. Por isso, precisamos de constantes doações”, afirma Maria das Dores Dolly, diretora-conselheira do Cevam.

Na mesma data, a instituição realiza simultaneamente a segunda edição da Feira Trocaê. O evento tem como objetivo estimular o intercâmbio cultural por meio da troca de livros e outros bens culturais. A exemplo da primeira edição, o público deverá levar no mínimo dois produtos, sendo um para troca e outro para doação a instituições de caridade. Durante a feira, poderão ser trocados livros, CDs, vinis, gibis e outros elementos configurados como produtos culturais.

SERVIÇO: 

Bazar Abrace uma Causa e Feira Trocaê

Data: 17 de maio (sexta-feira)

Horário: 17h às 22h

Local: Faculdade Araguaia – Unidade Bueno (Endereço: Av. T-10, 1047 – St. Bueno, Goiânia – GO) Entrada gratuita (levar produtos culturais para troca e produtos para doação ao Cevam)

Via Dia Online 
Imagens Dia Online