17/05/2019

DJ se irrita com barulho de obra, dispara com arma de fogo e é preso, em Goiânia

O homem, que trabalha como DJ, teria se irritado com o barulho da obra realizada pelo vizinho e invadido o apartamento, fazendo ameaças.

Um DJ e produtor musical foi preso na manhã desta sexta-feira (17/5) num condomínio em Goiânia, após fazer disparos com uma arma de fogo dentro de seu apartamento, invadir o apartamento vizinho e fazer ameaças aos moradores. O motivo: o homem teria se irritado com o barulho da obra realizada pelo vizinho.

A prisão do músico Hercílio Guedes Santarenha Júnior, de 35 anos, que se identifica profissionalmente como Boomer, ocorreu no final da manhã de hoje, num condomínio localizado no Setor Vila Rosa, em Goiânia. De acordo com a Polícia Militar (PM), a equipe do 7º Batalhão que se deslocou para o lugar informado numa denúncia foram recebidos pelo porteiro do prédio onde Hercílio mora. O porteiro aos policiais relatou que ouviu disparos de arma de fogo vindos do interior de um dos apartamentos.

Imediatamente, os policiais até o apartamento e fizeram o isolamento do local, aguardando o apoio. Após uma negociação com o morador, Hercílio Guedes, os policiais entraram no apartamento, onde o suspeito voluntariamente apresentou a arma de fogo, uma pistola Taurus Cal. 765 com registro vencido em nome do seu pai.

foi encontrado também uma cápsula cal. 32 deflagrada. Diante dos fatos, Hercílio foi preso em flagrante por posse irregular de arma de fogo de uso permitido, disparo de arma de fogo e ameaça.

DJ teria feito disparos com arma de fogo após ter se irritado com barulho de obra no apartamento vizinho

De acordo com a polícia, Hercílio teria contado aos policiais que é músico, DJ, e trabalhava no turno noturno. Por causa do barulho da obra que estava sendo feita no apartamento vizinho, Hercílio teria se irritado por não conseguir dormir, pegou a arma de fogo e começou a fazer disparos.

Logo em seguida, ainda conforme à polícia, ele invadiu o apartamento da obra e fez ameaças aos moradores. Ele vai responder também pelos artigos 129 (ofender a integridade corporal ou a saúde de outrem) e 147 (ameaça).

Via Dia Online 
Imagens Dia Online