08/12/2019

Jovem mata companheiro da mãe com facadas no peito e pescoço, em Rio Verde

Com as roupas sujas de sangue, o jovem alegou não se lembrar onde teria jogado a arma do crime.

Um jovem, de 18 anos, é suspeito de matar o companheiro da mãe com facadas no peito e no pescoço, na noite deste sábado (7/12), no Residencial Atalaia, em Rio Verde.

Conforme informações da Polícia Militar da cidade, os militares foram acionados via copom para atender a uma ocorrência de homicídio, onde, a mulher informou que seu filho, Isak Juvileschi, de 18 anos, teria entrado em luta corporal com seu companheiro.

Ao chegar no local, a mulher disse que seu filho, que é usuário de drogas, estava brigando com seu companheiro e, neste momento, pegou uma faca que estava caída no chão da cozinha e desferiu golpes contra o peito e pescoço da vítima. Diante disso, o Isak fugiu do local e levou a arma do crime.

Quando chegaram na casa, a PM se deparou com o corpo do homem no chão e com diversas perfurações no corpo. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU) foi acionada para prestar os primeiros socorros e encaminhar a vítima para uma unidade de Pronto Socorro, mas não resistiu aos ferimentos.

Em patrulhamento para localizar o suspeito, os agentes conseguiram encontrá-lo nas proximidades da residência, ainda sujo de sangue. Entretanto, ele não apresentou a arma do crime, alegando que não se lembrava de onde teria jogado.

Com a confissão espontânea do autor, ele foi encaminhado para a 8ª Delegacia Regional de Polícia para os procedimentos cabíveis.

Além do jovem que matou companheiro da mãe com facadas no peito e pescoço, em Rio Verde, um adolescente foi apreendido por homicídio, em Maurilândia

Um adolescente foi apreendido provisoriamente após confessar ser o autor de um homicídio, na cidade de Maurilândia, a aproximadamente 251 quilômetros de Goiânia.

De acordo com a Polícia Civil, Jhonatan Gomes Moreira foi morto a tiros durante uma festividade em uma feira coberta na cidade.

Durante as investigações, realizadas pela Subdelegacia de Polícia de Maurilândia, o adolescente foi apontado como o autor do crime.

Conforme do delegado responsável pelo caso, Maurício Santana, o crime teria sido motivado por desentendimentos anteriores entre o autor e a vítima.

Em entrevista ao delegado, o adolescente confessou o crime. Ele foi apreendido e está à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Maurilândia-GO.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online