13/01/2020

Consumidores podem negociar dívidas com a Saneago até 31 de janeiro

Contas de água e esgoto vencidas até abril de 2019, podem ser negociadas com descontos que podem chegar a até 98% em juros e multa.

Foi prorrogado o prazo para negociação de dívidas junto a Companhia Saneamento de Goiás, a Saneago. Até 31 de janeiro, os consumidores poderão negociar as contas de água e esgoto vencidas até abril de 2019, com descontos que podem chegar a até 98% em juros e multa.

Os interessados, de acordo com a Saneago, devem procurar as agências de atendimento presencial da empresa nas unidades do Vapt Vupt em todo o estado. A Companhia oferece duas formas de pagamento: à vista, com 98% de desconto nos juros e multas, e parcelado em até 60 meses, com desconto de até 70%.

Até o momento, o Programa Sanear atendeu 7.804 clientes, que negociaram suas dívidas. As negociações totalizam um valor de R$ 9.399.555,51 de débito histórico de referências até abril de 2019 e R$ 4.200.242,15, equivalente a débitos de referências posteriores, à correção e à atualização monetária. A meta calculada inicialmente era de R$ 8 milhões, mas com a eficiência das negociações, o total negociado já superou os R$ 13,5 milhões.

Prefeitura de Goiânia e Saneago assinam contrato de serviços de 30 anos

Em dezembro de 2019, foi assinado pela Prefeitura de Goiânia e pela Saneago, um contrato de serviços de água tratada e esgotamento sanitário, que tem validade de 30 anos. O documento prevê investimento de R$ 3,4 bilhões na capital, dentro do prazo de vigência do contrato, sendo 50% desse valor aplicado nos próximos 10 anos.

De acordo com a Companhia Saneamento de Goiás, a Saneago, a partir da assinatura do Contrato de Programa, a meta é que os índices de atendimento em Goiânia sejam ampliados para 100% no serviço de abastecimento de água e 88% no serviço de esgotamento sanitário logo nos primeiros cinco anos, e que deverá ser universalizado até 2031.

Com assinatura entre as partes, estão previstas ainda a implantação de um novo sistema produtor e a construção de uma nova barragem para garantir água tratada para a população da Capital. Ainda conforme a Saneago, os estudos hidrológicos para definir esse novo sistema já estão fase de conclusão.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online