30/05/2020

Goiás confirma mais de 120 mortes por covid-19, diz boletim

Estado tem, até o momento, 3.585 casos de doença. Dados foram divulgados neste sábado (30/5).

Segundo boletim deste sábado (30/5), Goiás registra 122 mortes por covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Até o momento, são investigadas 31 mortes suspeitas; outras 231 mortes suspeitas nos municípios goianos já foram descartadas. Ainda de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), Goiás 3.585 casos de doença, incluindo as 122 mortes confirmadas.

O documento, montado com dados divulgados às 13h deste sábado, 30 de maio, aponta que há 22.003 casos suspeitos em investigação. Outros 9.328 já foram descartados. No Laboratório Estadual de Saúde Pública Dr. Giovanni Cysneiros (Lacen-GO) há 178 amostras para análise.

Para conferir os detalhes dos casos e óbitos confirmados, suspeitos e descartados, acesse o painel Covid-19 do Governo de Goiás por meio do link http://covid19.saude.go.gov.br/.

Goiás tem 129 municípios afetados pela covid-19

De acordo com a plataforma citada acima, Goiás tem 129 municípios com casos de covid-19. Outros 93 apuram notificações suspeitas da doença e apenas 24 não tem casos suspeitos.

Uma análise feita em uma reportagem do Dia Online aponta que, em menos de 20 dias, 40 municípios goianos registraram casos do novo coronavírus, sendo suspeitos ou confirmados.

No último dia 13 de maio, 65 municípios estavam sem casos suspeitos da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, mas até a manhã deste sábado (30/5), o número diminuiu para 25. Já no período da tarde de hoje, apenas 24 não tinham registros do vírus.

Dados de covid-19 em Goiás

Conforme o boletim estadual, os números são dinâmicos e passíveis de mudanças após investigação mais detalhada de cada situação. Os boletins são elaborados a partir dos dados inseridos nos sistemas e-SUS VE e SIVEP Gripe, do Ministério da Saúde, pelas instituições de saúde cadastradas no estado, conforme endereço de residência informado pelos usuários.

‘Os dados podem ser alterados para mais ou para menos conforme investigação das Vigilância Epidemiológicas Municipais e atualização das fichas de notificações pelos municípios nos sistemas oficiais. Diante de eventuais inconsistências nos números, estes serão atualizados a partir das correções feitas pelas cidades nos sistemas de notificação”, explica a SES-GO.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online