01/06/2020

Onça parda é encontrada morta às margens da GO-080, em Jaraguá

Testemunhas relataram que ela teria sido atingida por um tiro; outras disseram que a onça foi vítima de atropelamento. Um casal, ainda não identificado, recolheu o corpo do animal.

Uma onça parda foi encontrada morta às margens da GO-080, entre Jaraguá a Goianésia, próximo ao Distrito de Mirilândia, na região Central de Goiás. O animal apresentava um ferimento na cabeça, mas ainda não se sabe o que teria provocado os machucados. O caso ocorreu no último sábado (30/5).

De acordo com os relatos, ciclistas que passavam pelo local encontraram o corpo do animal na rodovia. Informações preliminares apontam que a onça tenha sido atingida por um tiro na nuca. Mas segundo outras pessoas que estiveram no local, a morte do animal foi ocasionada por um atropelamento.

Testemunhas relataram que casal recolheu corpo de onça encontrada morta às margens da GO-080

Ainda conforme as testemunhas, no momento em os ciclistas estavam próximos ao corpo da onça parda, um homem e uma mulher pararam o carro, pegaram o animal e o colocou dentro do veículo.

O casal deixou o local sem ser reconhecido. Eles ainda não foram identificados.

Ainda não se sabe se o caso foi registrado em alguma delegacia da cidade.

Morte de onça parda se enquadra em crime ambiental

De acordo com a Lei de Crimes Ambientais, Art. 32, é crime “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos.”

A pena para esses crimes varia de detenção, de três meses a um ano, e multa. Incorre nas mesmas penas quem realiza experiência dolorosa ou cruel em animal vivo, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos. A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.

Resgate de animal silvestre em Goiás

O Corpo de Bombeiros de Goiás (CBMGO), em Quirinópolis, resgatou uma raposa que se encontrava no corredor externo de um escritório no centro da cidade. O resgate ocorreu nesta segunda-feira (1/6). Utilizando técnicas de salvamento terrestre a guarnição conseguiu resgatar o animal, que não apresentava ferimentos e foi solto em seu habitat natural.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online