03/06/2020

Empresário suspeito de chefiar roubo a banco em Anápolis se entrega à PC

Outros quatro suspeitos de integrarem o grupo criminoso já haviam sidos presos. O roubo ocorreu em uma agência do Banco do Brasil, no dia 25 de abril. Bandidos fugiram levando R$ 1 milhão.

Um empresário suspeito de chefiar uma associação criminosa que furtou R$ 1 milhão em um banco de Anápolis, a 59 quilômetros de Goiânia, se entregou à Polícia Civil na madrugada desta quarta-feira (3/6), em Goiânia. Até ontem (2), quatro dos suspeitos de integraram o grupo criminoso já haviam sidos presos.

Em nota, a corporação informou que, após a divulgação da operação que identificou os responsáveis pelo crime, José Carlos Lacerda Estevam Leite, de 40 anos, entrou em contato com o 2º Distrito Policial de Valparaíso de Goiás e comunicou a intenção de se entregar para as autoridades.

O crime ocorreu no dia 5 de abril em uma agência do Banco do Brasil, no município. Na ocasião, quatro indivíduos foram de Brasília até a agência em Anápolis em um veículo Gol de cor branca, cortaram a comunicação dos sistemas de segurança, adentraram o local e, com a utilização de ferramentas específicas, danificaram o cofre principal da agência. Foi levado o valor de R$ 1 milhão.

Após prisão de quatro suspeitos de roubo a banco em Anápolis, empresário disse que fugiu para São Paulo

Ainda conforme as informações, ele era procurado pelas Polícia Civil de Goiás e do Distrito Federal, e ostenta diversas passagens por furto. Ao se entregar, José Carlos relatou que após a prisão dos primeiros envolvidos no crime, fugiu para o estado de São Paulo e, nesta terça, veio para Goiânia para se entregar.

Empresário suspeito de chefiar roubo a banco em Anápolis se entrega à PC

Leia a nota na íntegra:

Senhores, como cediço, a Polícia Civil confirma a prisão do empresário chefe da associação criminosa que furtou um banco em Anápolis.

Os policiais civis do Grupo Antirroubo a Bancos da Delegacia de Investigações Criminais (GAB/DEIC) e policiais civis do 2º Distrito Policial de Valparaíso realizaram a prisão de JOSÉ CARLOS LACERDA ESTEVAM LEITE, 40 anos, nesta madrugada, em Goiânia.

Ele é apontado como chefe da associação criminosa que realizou o furto da agência bancária do Banco do Brasil de Anápolis, subtraindo aproximadamente R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais).

Após a divulgação da operação que identificou os responsáveis pelo crime e realizou o cumprimento de 4 mandados de prisão, JOSÉ CARLOS LACERDA entrou em contato com o 2º Distrito Policial de Valparaíso de Goiás e comunicou sua intenção de se entregar para as autoridades.

O indivíduo, que era procurado pela Polícia Civil de Goiás e do Distrito Federal, e ostenta diversas passagens policiais por crime de furto, informou que, após a prisão dos primeiros envolvidos no crime, fugiu para o estado de São Paulo e, na data de ontem, se deslocou para Goiânia para se entregar.

JOSE CARLOS LACERDA informou que estava nas proximidades da Av. Anhanguera, local onde se entregou para as equipes policiais.

Cumprido o mandado de prisão, foi realizado relatório médico e o investigado foi encaminhado para a carceragem da Delegacia Estadual de Capturas. O preso ainda será interrogado e ficará à disposição do Poder Judiciário.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online