19/06/2020

Goiânia registra 391 novos casos de covid-19 e soma 4.900 infectados

O relatório aponta que 80% dos pacientes já se recuperaram totalmente da doença, ou seja, 3.911 pessoas.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulgou um novo boletim epidemiológico na tarde desta sexta-feira (19/6), atualizando os dados da pandemia do novo coronavírus na capital. Nas últimas 24 horas, Goiânia registrou 391 novos casos de covid-19 e agora soma 4.900 infectados.

O relatório ainda aponta que 80% dos pacientes já se recuperaram totalmente da doença, ou seja, 3.911 pessoas. O município também já confirmou 107 óbitos provocados pela doença desde o início da pandemia, em março deste ano. Em comparação com os registros desta quinta-feira (18/6), são 7 vítimas a mais.

Do total de pacientes contaminados, 144 permanecem internados e outras 738 pessoas seguem em isolamento social e são monitoradas pelos profissionais da SMS. Dos 412 pacientes que receberam assistência nas unidades que são referência para o tratamento da doença, 218 (53%) necessitam de uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

Conforme o boletim epidemiológico, os bairros com as maiores taxas de infecção são o Setor Bueno (187), Jardim Guanabara (142), Setor Oeste (120), Jardim América (88) e Novo Mundo (78).

Goiânia registra novos casos de covid-19 e flexibiliza funcionamento de shoppings e região da 44

Um novo decreto, comunicado pelo prefeito Iris Rezende (MDB), libera a reabertura de shoppings de Goiânia, galerias comerciais, varejistas, atacadistas e espaços onde atuam os profissionais liberais a partir do dia 22 de junho, próxima segunda-feira. Já o comércio na Região da 44 será reaberto no dia 30. O documento deve ser publicado oficialmente ainda nesta sexta-feira (19/6).

Além disso, ainda se tornou obrigatório o uso de máscara e, por decreto, a prefeitura da capital determinou multa de R$ 627 para quem não usar a proteção em locais públicos da capital. A fiscalização começa já na próxima segunda-feira (22), e será feita pelos agentes da Guarda Civil Metropolitana (GCM). O uso da máscara já é recomendado em todo o estado.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online