22/06/2020

Vídeos: dois motociclistas morrem após batida frontal, em Goiânia

O acidente aconteceu na madrugada do último sábado (19//6), no Parque Industrial Paulista.

Na manhã desta segunda-feira (22/6), a Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito (Dict) disponibilizou imagens de câmeras de monitoramento de um acidente que ocorreu no último sábado (20/6). Os vídeos mostram dois motociclistas que morreram após uma batida frontal, em Goiânia.

As vítimas, Artur Pereira Silva, de 18 anos, e Alfredo Marques Galvão Neto de 28 anos, não resistiram aos ferimentos e morreram ainda no local. O óbito foi constatado pelo Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás. 

Conforme registrado pelas câmeras, o acidente aconteceu por volta de 1h da madrugada. Os dois motociclistas seguiam pela mesma avenida, mas em sentidos opostos e, em determinado momento, bateram de frente. Veja:

[custom_player src=’zoevideos.net/player/s3ec02a221ebee1af2bf683f6c420a6b8′]

Por outro ângulo, é possível ver o momento da batida mais de perto. Neste enquadramento, somente um dos motociclistas aparece caído:

[custom_player src=’zoevideos.net/player/s415eafef658b16a8a1332db7c4ab5ab5′]

Relembre o caso dos dois motociclistas que morreram após baterem de frente, em Goiânia

Durante a madrugada do último sábado (20/6), dois motociclistas morreram após baterem de frente em um acidente no Parque Industrial Paulista, em Goiânia. A Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito (Dict) foi acionada por volta das 3h30 para apurar as causas do acidente.

Segundo vestígios no local, dois motociclistas trafegavam pela mesma avenida no momento do acidente. A vítima Artur Pereira Silva, de 18 anos, conduzia a motocicleta Honda/CG Titan, cor vermelha, e a outra vítima, Alfredo Marques Galvão Neto, de 28 anos, pilotava uma motocicleta Honda/CG 160 Fan, também de cor vermelha.

Ambos trafegavam pela Avenida Quito Junqueira, no Parque Industrial Paulista, momento que ocorreu a colisão frontal entre as motocicletas. De acordo com a Dict, ainda não foi estabelecido o sentido aproximado que as vítimas trafegavam.

O Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) foi acionado para socorrer as vítimas, que não resistiram e morreram ainda no local. 

Via Dia Online 
Imagens Dia Online