25/08/2020

Decreto em Pirenópolis proíbe acesso e banho no Rio das Almas

Também estão proibidas reuniões de cinco ou mais pessoas sem distanciamento mínimo de dois metros, o que será considerado aglomeração, passível de multa.

A prefeitura de Pirenópolis divulgou decreto no fim de semana com com novas medidas de segurança para conter o coronavírus. A cidade, que reabriu para turistas no dia 14 de agosto, proibiu o banho, acesso e permanência nas margens do Rio das Almas, que ficou lotado na primeira semana em que turistas puderam visitar a cidade.

Além disso, o novo decreto em Pirenópolis proíbe aglomerações. É considerada como aglomeração a reunião de cinco ou mais pessoas sem a observância de distanciamento mínimo de dois metros. O não cumprimento é passível de multa de R$1 mil por pessoa.

Ainda segundo o novo decreto, é obrigatório o uso de máscaras em toda a cidade. A prefeitura informou ainda que os estabelecimentos, que já estão certificados, continuam abertos seguindo todas as regras sanitárias.

O que diz o decreto de reabertura de Pirenópolis

Um dos principais roteiros turísticos do estado de Goiás, Pirenópolis autorizou a reabertura para turistas no dia 14 de agosto, bem como o funcionamento de pousadas, casas de aluguel, casas de camping, albergues, agências de viagens e atrativos. O município ficou fechado para visitantes por quase cinco meses devido à pandemia do coronavírus.

Para voltarem a funcionar, os estabelecimentos em Pirenópolis devem ter um atestado de conformidade aprovado pela Secretaria Municipal de Saúde do município. Além disso, funcionários e colaboradores foram treinados e capacitados sobre as normas de segurança. Os locais também devem ser higienizados constantemente e poderão atender, no máximo, 65% da capacidade de hospedagem. Para as demais áreas ou atividades, o limite é de 50% da capacidade.

Nestes locais deve se manter o distanciamento de 2 metros. Ademais, os funcionários deverão aferir a temperatura de todos os clientes. Também fica proibida a entrada ou permanência de hóspedes que apresentarem sintomas de síndrome gripal.

Prefeitura divulga novo decreto

A prefeitura de Pirenópolis soltou um novo decreto no dia 27 de agosto. Assim, o horário de funcionamento do comércio e supermercados (apenas uma pessoa por família) poderá ser das 7h às 22h, de segunda a domingo. Já as atividades essenciais não possuem controle de horário de funcionamento.

As academias ficam liberadas para funcionar de segunda a sexta-feira, das 7h às 22h. Ademais, aos sábados o horário é das 7h às 13h, sendo fechadas aos domingos. A cidade continua com toque de recolher em todos os dias, da 0h às 5h, tanto na área urbana, como na rural e em povoados.

As cachoeiras continuam podendo receber turistas e moradores, que devem agendar as visitas para maior controle, e para evitar aglomerações.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online