07/01/2021

Caiado exonera Paulo Daher depois de ação pedindo a cassação de Maguito Vilela

Caiado também teria dito segundo informações que a atitude de Paulo é “insensível e desrespeitosa”, é que essa postura é inadmissível.

O assessor especial e presidente estadual do PMN, Paulo Daher, acaba de ser exonerado pelo governador Ronaldo Caiado (DEM), depois de Paulo entrar com duas ações pedindo a cassação do prefeito de Goiânia, Maguito Vilela (MDB). A informação é do Jornal O Popular.

O governador exonerou Paulo Daher na tarde desta quinta-feira (7\1) depois da divulgação que o assessor teria entrado com ações contra a eleição de Maguito. Na acusação,  o advogado responsável pelo caso, Fernando Sales, alega que nas petições ficou caracterizada fraude no pleito por conta de divulgação de informações falsas sobre o estado de saúde de Maguito. Inclusive, o advogado solicitou  os depoimentos dos médicos do Hospital Albert Einstein e os prontuários por causa dos boletins de saúde divulgados.

Caiado também teria dito segundo informações que a atitude de Paulo é “insensível e desrespeitosa”, é que essa postura é inadmissível.

Paulo Daher

O ex-vereador Paulo Daher (PMN) foi nomeado na última terça-feira (5/1),  para cargo de assessor especial da Secretaria Estadual de Administração, pasta do Governo de Goiás. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado. Daher atuava na Câmara de Goiânia, mas não conseguiu reeleição nas eleições do último ano.

Em 26 novembro 2020 o ex-vereador  já tinha questionado sobre a saúde do emedebistas em uma sessão plenária na Câmara Municipal de Goiânia  “A história nos mostra que esse estelionato eleitoral já foi cometido no passado, Quais as condições de Maguito em receber Goiânia? Um paciente que está em coma, com falência renal, com falência pulmonar. Quais sequelas neurológicas irão acometê-lo?” questionou.

Depois, Daher comentou a suposta lista de secretariados montada pela coordenação da campanha de Maguito. “Vou me ater a apenas dois nomes: os petistas Mauro Rubens, na Saúde, e Neyde Aparecida, na Educação. Será o caos na saúde e quanto à Educação, senhores pais se preparem, será ideologia de gênero de novo instalada nas escolas”, pontuou.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online