14/01/2021

Represa em Catalão transborda e água inunda casas dos moradores

A forte chuva  elevou o volume de água para além das capacidades de drenagem, causando uma enxurrada que alagou sete casas.

Os moradores de Catalão amanheceram nesta quinta-feira (14\01), com várias ruas da cidade alagadas, em decorrência das fortes chuvas que atingiram o município. Segundo o Corpo de Bombeiros as três represas localizadas no bairro de Monsenhor de Sousa  transbordaram, colocando em perigo os moradores próximos do local.

Ainda de acordo com os Bombeiros, a forte chuva  elevou o volume de água para além das capacidades de drenagem, causando uma enxurrada que alagou sete casas. Ao perceberem que a represa iria transbordar os moradores abandonaram suas casa, até a chegada do socorro.

A equipe do corpo de bombeiros, vai permanecer no local realizando a prevenção e o isolamento da via pública até o nível de água voltar ao normal.

Próximos dias

Segundo informações do site do Instituto Nacional de Meteorologia, a cidade de Catalão, e a maior parte do estado de Goiás estão em áreas laranjas, cor usada para classificar perigo e chuvas intensas. Segundo ás orientações da defesa civil, os moradores que caso passem por uma situação de risco, não devem se abrigar debaixo de árvores, devido ao risco de queda.

Além disso,  os moradores devem desligar os aparelhos elétricos, evitar ficar próximos de de torres de transmissão e procurar um local seguro para se abrigar durante a chuva.

Segunda vez

Em 29 de janeiro de 2020, três represas se romperam na cidade de Catalão devido a maior chuva dos últimos 50 anos de acordo com os dados divulgados pela meteorologia foram 150mm de chuva na cidade em uma única madrugada. A pluviometria é a maior desde 1972, quando foram registrados 130mm na cidade.

Na época, transbordaram ás represas do Paquetá e das propriedades do seu Wilton e seu Acrísio. Outros represamentos grandes, como do Campo Belo e do Povo, resistiram ao grande volume de água. Devido ao risco de rompimento em duas outras represas a prefeitura chegou a decretar situação de emergência.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online