15/01/2021

PC procura suspeito que estuprou adolescente na rampa da BR-153, em Goiânia

O crime ocorreu no dia 10 de novembro de 2020, por volta das 13hs, na rampa de acesso à BR-153, no Jardim Goiás.

A Polícia Civil do Estado de Goiás, está pedindo a ajuda da população para identificar um suspeito de ter estuprado uma adolescente de 16 anos no dia 10 de novembro de 2020, por volta das 13hs, na rampa de acesso à BR-153, no Jardim Goiás, em Goiânia, local por onde passava a menor.

Depois da investigação feita em parceria com a Delegacia de Polícia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) de Goiânia, os policiais conseguiram imagens do suspeito em fuga, apesar disso, o homem ainda não foi identificado. Por isso, a Polícia Civil divulgou ás imagens pedindo a ajuda dos moradores para tentar identificar e encontrar o suspeito.

Crime

O crime que ocorreu no dia 10 de novembro de 2020, por volta das 13hs, na rampa de acesso à BR-153, no Jardim Goiás,  local por onde passava a menor de 16 anos. A adolescente foi abordada por um indivíduo desconhecido que, fez diversas ameaças e de acordo com ela agiu com bastante violência, devido a isso, a vítima acabou sendo estuprada.

O agressor ainda não foi identificado, apesar das inúmeras diligências realizadas. A DPCA obteve imagens de câmeras próximas ao local do fato, nas quais o estuprador é visto fugindo após o cometimento do crime. O autor do estupro é investigado em inquérito policial da DPCA e segue sendo procurado.

Os policiais civis pedem que qualquer informação sobre a identidade do homem que aparece nas imagens, os moradores entrem em contato pelo  número 197, Disque-denúncia da Polícia Civil. Caso o cidadão não quiser ser identificado o anonimato é garantido.

De acordo com a DPCA, a divulgação da imagem e identificação do investigado foi precedida nos termos da Lei n.º 13.869/2019, Portaria n.º 02/2020 – PC, porque visa a identificação do suspeito, bem como poderá auxiliar outras eventuais vítimas do mesmo crime a procurarem a Polícia Civil para denunciá-lo, e fazerem seu reconhecimento.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online