26/07/2021

Tela de proteção em janelas pode virar lei em Goiânia

Na última terça-feira (20/7), a moradora de um prédio de Goiânia registrou o momento em que uma criança andava pela janela de um apartamento que fica no terceiro andar.

Após uma criança ser filmada andando no parapeito da janela do apartamento de um condomínio no Parque Amazônia, na última semana, o uso de tela de proteção em janelas pode virar lei em Goiânia. O apartamento em que a criança estava possuía o equipamento de proteção, o que pode ter evitado uma tragédia.

Tramita na Câmara Municipal de Goiânia, uma proposta do vereador Ronilson Reis (Podemos), que quer obrigar a instalação dos equipamentos de proteção nos prédios da Capital. “A prevenção é a melhor forma de combatermos acidentes que poderiam ser evitados”, afirma o vereador.

Atualmente, não é obrigatória a instalação de telas de proteção em apartamentos. A proposta do vereador estabelece que a vedação prevista, em todos os condomínios verticais, deve ser realizada por meio de grades, telas ou redes. As duas últimas deverão ser com material de polietileno com nó, devendo ser trocadas a cada cinco anos.

Tela de proteção em janelas pode evitar acidentes com animais domésticos

Ronilson acredita na redução imediata das inúmeras tragédias após a aprovação da proposta. Segundo ele, a rede de proteção além de proteger crianças, também pode evitar acidentes com animais domésticos e até mesmo queda de objetos.

A lei apresentada revoga a Lei nº 9.893, em que era opcional, por parte das construtoras e moradores, a instalação das redes de proteção.

Na última terça-feira (20/7), a moradora de um prédio de Goiânia registrou o momento em que uma criança que aparenta ter entre 2 e 4 anos de idade andava pela janela de um apartamento que fica no terceiro andar.

O vídeo registrado pela moradora mostra o momento em que a criança acessa a janela, fica em pé sobre o parapeito, já no lado externo, e caminha por ele, apoiando-se na grade ou tela de proteção. Segundo a moradora, não era a primeira vez que a criança anda pela janela desse mesmo apartamento.

Via Dia Online 
Imagens Dia Online